Transmitindo conhecimentos da Hierarquia de Luz aos buscadores

Na busca de conhecimento um grupo de estudantes das leis espirituais, entre maçons, praticantes de Yoga e do Centro Esotérico da Comunhão do Pensamento, reuniram-se com o objetivo de estudar as tradições antigas: astrologia, astronomia, magia e outros assuntos da corrente filosófica e mística. Além dos estudos se dedicavam a caridade, à missão de servir a humanidade, mas em dado momento perceberam que o mais importante, era passar adiante o conhecimento adquirido e, assim passaram a transmitir, aos interessados, informações suficientes para que os mesmos buscassem nos estudos, meditações e devoções, as respostas para encontrarem o seu caminho.

Nesta proposta, formavam o grupo sete fundadores: Mario Allgaier Costa, Bruno Otomar Bopp, Domingos Rubbo, Ismael Valle do Araújo, Frederico Lorgus, Manuel Wilson Tavares Gutterres e Julian Villalva, e, às 14 horas do dia 18 de julho de 1964, no paralelo 30 Sul, que corresponde à incidência geográfica daquele período áureo da civilização, tinha início este trabalho que segue, ininterrupto, até os dias de hoje. Neste lugar, que representa a restauração da antiga tradição primordial que conduzirá a humanidade em direção à sua condição áurea, onde é possível a harmonia entre todas as coisas, a FEEU foi fundada!

A partir desta data foram editadas as primeiras obras que seriam distribuídas para os filiados. O sonho foi possível com o auxílio do Sr. Mario Allgaier Costa, que já havia fundado em Porto Alegre a Associação Macrobiótica, do Sr. Bruno Bopp que doou 60% da sede à FEEU, do Sr. Domingos Rubbo, que trouxe o conhecimento da astrologia, o Sr. Roberto Bourdette Ferreira com suas aulas e dedicação nos proporcionando os estudos e a caminhada interna,e, o Sr. Heitor Fraga que por muitos anos foi superintendente violinista da Ospa, sob sua batuta dava-se a correção dos textos que seriam publicados, dedicando-se dia e noite neste trabalho, e do Sr. Ismael Valle do Araújo que formou o primeiro grupo de estudos da FEEU, transmitindo muita sabedoria. Foi o último a desencarnar.

Ao longo desta trajetória a diretoria da Fundação pode contar com os colaboradores/presidentes: 1º) Mario Allgaier Costa, 2º) Manoel Wilson Tavares Gutterres, 3º) Lourdes Maria Oliveira (Ponte da Liberdade), 4º) João Carlos Miranda, 5º) Eloah Caminha de Moraes, 6º) Carlos Gutterres , 7º) Leopoldina Maria Pedroso dos Santos. A atual presidente da Fundação é Marisa Dias.

A partir de 1980 a diretoria da FEEU passou a ser composta por um grupo de mulheres que abriram cursos ao público, transmitindo assim o que haviam apreendido.

Em seus 51 anos de existência, a FEEU tem servido à causa da Hierarquia de Luz com fidelidade e inabalável dedicação. Muitas foram e são ainda as correntes que se valem de seus préstimos na veiculação de suas mensagens. Afinal, é esta mesma uma das visões do propósito pela qual foi criada a fundação, ou seja: a congregação da diversidade de formas de ensinamentos.

Ao lado disto, teve a entidade, sempre e em todo o tempo, uma visão por assim dizer “interior” daquilo que pudesse representar a Unidade, razão pela qual jamais esqueceram seus integrantes de focalizar a casa da luz mesmo, em sua forma mais objetiva e prática, fazendo das publicações uma verdadeira “escada de Jacó”, capacitada a atingir os aspirantes de todos os degraus e em cada um de seus momentos de ascensão e necessidade.

Tampouco, deixou a FEEU de oferecer aquilo que de mais atualizado existe no Ensinamento espiritual do mundo, através da veiculação de mensagens dirigidas às novas gerações e inspiradas pelo espírito de renovação de conhecimentos.

‘Não tem sido um caminho de flores apenas, mas tudo o que sucede somente tem servido para o crescimento. Estamos capacitados a olhar para trás com a experiência de um importante ciclo cumprido, e também para diante com perspectivas e forças redobradas, graças a todos aqueles que, em cada momento, têm estado ao nosso lado participando desta gloriosa busca pela Verdade’, afirma a presidente Marisa.

O certo é que, com sua missão de síntese e Unidade, a FEEU pode rejubilar-se de ter buscado sempre cumprir à risca o importante provérbio hinduísta que reza: “Não existe religião superior à Verdade”.

‘No limiar de cinco décadas de existência, é imperioso elevarmos nossa gratidão aos pioneiros, mantenedores, colaboradores que mesmo anonimamente, com sua fé, amor e persistente ajuda financeira, permitiram que a FEEU chegasse até nossos dias. E é muito grande também, nossa gratidão aos atuais filiados que, apesar dos momentos difíceis que todos nós brasileiros atravessamos, jamais esmoreceram na ajuda. A essa amorosa dedicação só temos a dizer: SOMOS GRATOS!’, acrescenta a Presidente.

Em setembro de 2013, Marisa assumiu a presidência, tendo como meta pessoal a expansão da FEEU, fazendo com que as publicações, os cursos e palestras possam chegar ao maior número possível de pessoas. ‘Sempre digo que a Fundação é um “farol” que guia impedindo que obstáculos perigosos possam ferir ou impedir o caminho de cada um’, conclui.

A F.E.E.U sabe que está oferecendo o anzol e a isca mas, o que será pescado e como será aproveitado é responsabilidade de cada um. Para sua direção, cada filiado, cada leitor, cada buscador da verdade é precioso porque comprova que a missão da fundação está sendo cumprida: “Saciar a sede da busca interior”! ‘Sou grata pelos que já passaram deixando-nos seus ensinamentos, pelo legado de amor ao serviço da luz para que tivéssemos condições de continuarmos na caminhada. Gratidão a todos que estão contribuindo para que nosso presente seja ainda melhor.

A nova energia de Aquário se mescla com a herança de Peixes e somos a comunhão dessas energias. Agradeço aos Mestres, Budas, Anjos, Arcanjos e principalmente a luz interna de cada um que nos guia e sempre guiará. Abençoados sejam todos os seres criados’. finaliza Marisa Dias, Colaboradora presidente gestão 2013/2016